Etiqueta: anaantunes

“Novas memórias”

Por Ana Antunes

A nossa candidata, a Regina, precisava de uma grande mudança na sua vida para criar novas memórias. A divisão escolhida foi a sala, não só para trazer uma nova alegria à divisão mas também à sua vida e de forma a que a falta que sente do marido se transforme em esperança. Então, os Queridos estiveram aqui presentes para, literalmente, virar esta sala ao contrário e retirar um bocadinho das memórias antigas e trazer novas, começando por mudar completamente o layout e trocar as coisas de sítio.

A nossa decoradora, Ana Antunes, reparou que Regina gosta de tons terra, de madeiras e de materiais naturais, era então este era o caminho mas de uma forma mais atualizada e fresca, ou seja, a mesma linha decorativa mas de uma forma mais atual. E, para que essa decoração pudesse ser desenvolvida, o teto branco e as paredes beges envolvem todo o espaço.

As paredes areadas da sala tinham problemas de humidade, então foram forradas com gesso cartonado, criando uma espécie de caixa de ar para ter um segundo layer de parede. Em todas as paredes da sala foram colocadas boiseries feitas com frisos para criar uma leitura mais clássica que é misturada com uma envolvente contemporânea. Estes elementos foram pintados do tom das paredes para o tornar mais moderno.

Aqui estamos presentes a um Compromisso entro o clássico e o contemporâneo com uma abordagem completamente atual.

“De cave a casa”

Por Ana Antunes

A Catarina e o Diogo que esperam o primeiro filho e vivem na cave de uma casa da família, um espaço promissor mas sem condições para esta jovem família. Transformámos então esta cave numa casa.

Foi sem duvida um projeto desafiante, era importante definir zonas pensadas especificamente para as necessidades deste casal, como a cozinha, a zona de refeição, a sala e dois quartos. Ou seja, criar as divisões necessárias para podermos chamar a este espaço de casa.

Um dos maiores desafios deste espaço era criar divisões sem tirar a pouca luz natural que existe, os quartos são as únicas zonas fechadas com uma solução que não são paredes, é uma estrutura com impacto visual na decoração em vidro com molduras em preto, para deixar a luz passar mas que ao mesmo tempo dá alguma privacidade.

O branco como cor predominante em espaço todo era fundamental porque tem pouca luz e um pé direito muito baixo. É uma tela branca que deu luz ao espaço e foi também a base dos apontamentos de cor.

Cozinha branca e neutra com um apontamento de destaque numa das paredes com pastilha preta. Esta divisão conta também com pormenores em preto, como os móveis superiores na parede do fundo para dar dinâmica à cozinha e mais profundidade.

No quarto de casal demos destaque à parede da cabeceira, uma parede trabalhada com textura e que apesar de ser branca cria um jogo de luzes e sombras.

O papel de parede no quarto do bebé é visto da sala, foi então enquadrado quase como se fosse um quadro. Tudo nesta decoração tem que ser visto como um todo, pois os espaços visualmente ligam-se entre si.