Categoria: QUARTOS

ANTES E DEPOIS – “Episódio Surpresa”

Por Ana Antunes

“Episódio Surpresa” – Catálogo

Por Ana Antunes

O resultado final deste espaço teve com finalidade melhorar a vida deste jovem casal que esperam uma filha. Como programa de decoração gostamos de demonstrar as mais variadas formas de transformar qualquer espaço.

Aqui tem acesso ao catálogo deste programa e aos links das marcas parceiras dos produtos usados.

http://www.acadeirinhadoalmeida.pt/

https://lojaquerido.com/

https://gatopreto.com/pt/pt/?gclid=Cj0KCQiAw9qOBhC-ARIsAG-rdn79jjbTiEssgO6YOwNOipoCwmSE2Re0o_q69rWjYaBw1o4EVaOpC6YaAlqwEALw_wcB

https://www.carpintariamirante55.pt/?utm_source=P%C3%A1ginas+Amarelas&utm_campaign=Carpintaria+Mirante+55+pt-PT+119018329_3450240_224838-BEC&utm_medium=adwords&utm_term=carpintaria%20e%20marcenaria

https://www.prenatal.pt/?gclid=Cj0KCQiAw9qOBhC-ARIsAG-rdn71mpyI6BWjodeYvtTrxjQPrwoFyXbYN25-KwIMv52yaarlqCgQgdEaAqIREALw_wcB

https://casaalegre.com/pt/?gclid=Cj0KCQiAw9qOBhC-ARIsAG-rdn62Pl44KoZ1IhV73HCJXFwN8rPiGm-1E1xAEKls8f4DK7fW0e8m9q8aAt1wEALw_wcB

https://www.molaflex.com/?gclid=Cj0KCQiAw9qOBhC-ARIsAG-rdn5T2HlnwjwFmj_JGyR58EUE-UmVp2b0ZeaYW2ipOckmKOdaHhVfDeoaAkVuEALw_wcB

https://www.ikea.com/pt/pt/

https://www.leroymerlin.pt/?gclid=Cj0KCQiAw9qOBhC-ARIsAG-rdn57FlrxrBGhwMk-1P7PnSebsaGn9pTU0NX_eu3nDMhGC0Z_a8eYPlQaAh3gEALw_wcB

“Episódio Surpresa”

Por Ana Antunes

Este foi um episódio diferente e especial, a equipa do “Querido, mudei a casa!” decidiu enviar o João Montez numa missão solidária e enquanto isso mudou-lhe a casa.

Inicialmente a ideia era transformar o escritório da casa no quarto da bebé que vem a caminho. Mas rapidamente, Ana Antunes, percebeu que o casal tinha um grave problema de espaço e logística no quarto deles e que não iriam ter espaço junto à cama para o berço. O quarto com mais área livre era o escritório que então passou a ser o quarto dos dois, e o quarto deles passou a ser o da bebé. Assim tudo funcionou na perfeição.

Como solução ao problema que têm vindo a tentar resolver, a nossa decoradora pensou num roupeiro de parede a parede feito à medida para o novo quarto do casal. Para eles era fundamental haver mais arrumação, não só pela falta espaço que já tinham mas também agora pelas necessidades inerentes que um bebé traz. São então 3m de armários com ponte de arrumação por cima da cama, e para se ganhar mais espaço teve que ainda se e demolir o roupeiro que já existia. Para se aproveitar tudo ao máximo as laterais são estantes e as mesas de cabeceira são incorporadas no interior, não havia espaço para elas de outra forma. Deste modo, não só passaram a ter mais arrumação como ainda há espaço para o berço junto à cama e um muda fraldas. 

Tanto João como a Inês gostam de ambientes simples, cleans e despojados. Foi assim que o quatro deles foi pensado, com uma base branca e com tons neutros. Para dar alguma graça e conforto foi colocado na cabeceira da cama um papel de parede num tom bege texturado. 

No quarto da bebé o espaço é mais pequeno, anteriormente o casal tinha mandado construir paredes para albergar um roupeiro e assim terem alguma arrumação. Essas paredes construídas não chegavam ao teto, que esteticamente não era agradável, e tinham um papel de parede que não combinava com a decoração do novo quarto. A solução encontrada foi um labril em MDF branco que vai do chão ao teto.

O elemento de destaque neste quarto é o papel de parede que parece um quadro gigante em escalas de cinzas, como se tivesse sido desenhado a carvão. Os desenhos são animais com os filhotes, não havia papel de parede que encaixasse melhor na narrativa desta família, e ainda faz alusão a África, onde o João Montez tem o pai a trabalhar há muitos anos. 

Igualmente de base branca e com pequenos apontamentos pretos ou cinzentos e com madeiras, que trazem a sensação quente e acolhedora, o quarto da bebé foi pensado para ser um ambiente tranquilo e versátil.

“Uma casa nova”

Por Luís Pedro de Abreu

A Casa Nova é uma casa de acolhimento de ação de solidariedade social que acolhe crianças dos 0 aos 12 anos. as responsáveis fazem tudo para que estas crianças se sintam em casa e apostam num ambiente acolhedor e terapêutico. Os quartos foram as divisões com que concorreram ao Querido, mudei a casa!.

As maiores necessidades deste espaço prendiam-se mais ao conforto do que à estética. As janelas e o chão precisavam de ser trocados. E a arrumação e a organização tinham que ser repensadas, pois aqui vivem muitas crianças. Tudo isto nos quatro quartos. Foi um desafio abraçado com entusiasmo.

O quarto mais pequeno passou a ser o quarto dos bebés, onde os berços cabem melhor. De tons neutro, o branco foi aplicado como base e complementado com apontamentos de cores suaves.

No quarto dos rapazes retiraram-se as portas de correr que davam para uma marquise, assim o espaço útil aumentou consideravelmente. Para aqui foi desenhado o grande roupeiro que serve de apoio a todos os quartos, depois como complementos há cómodas em todos eles. A cor predominante escolhida para este quarto foi um verde pastel.

O quarto das raparigas tem um requinte feminino que não foi aplicado nos outros. O rosa velho é a cor da divisão e é arrematado com papel de parede a imitar palhinha, que torna o quarto mais quente.

O quarto maior é quarto misto, adaptável tanto a meninas como a meninos. Este vive num ambiente quente de amarelo torrado em meia parede e na parte superior branco.

Foi encontrada uma linha de continuidade na decoração entre os quatro quartos, e o corredor que lhes dá acesso também foi recuperado e decorado.

“De mãe para filho”

Por Rita Glória

Alice Palma, a nossa candidata, como mãe solteira quis surpreender o filho António que, a certa altura teve que trocar de quarto com filho, este cresceu tanto que nem na sua cama cabia. Então passou para o quatro da mãe que tinha uma cama de casal e é mais espaçoso. Desta forma, apesar de mais confortável para o António, a decoração dos quartos não combinavam com quem lá dormia e Alice dormia num estúdio que pertencia a um adolescente. A missão era: dar um quarto ao filho, mas não esquecer a mãe.

Precisávamos de algo que se adequasse às necessidades e às idades de cada um, inclusive a decoração. Comum aos dois quartos foram colocados lambris que serviram para delimitar espaços; no quarto da mãe é aplicado na zona de dormir e no quarto do filho na zona de estudo. Os lambris criam uma textura de aspecto confortável no espaço.

A decoração do quarto do António foi baseada num conceito industrial, inspirando-se um pouco nos lofts, em tons de cinza claro e azul. Para a cabeceira deste quarto foi feito um friso com mini prateleiras, algo diferente, e foi esta zona que foi pintada de azul. Bastante arrumação e uma zona de estudo, no projeto de Rita Glória, tinham que integram no espaço, sem duvida.

No quarto da Alice os detalhes preponderam, de forma a que se sinta especial, num estilo Boho-Chic. Branco/creme e verde são as cores predominantes, o verde contrasta com os elementos femininos. Por cima do lambrim verde foi colocado um papel de parede com bastante cor e floral, e na parede à frente da cama foi colocado também um papel mas este de uma cor suave e neutra para não cansar visualmente. Numa parede mais vazia Rita teve a ideia de criar um painel com multifunções.