Etiqueta: querido2021

BLOOPERS

Os melhores momentos deste episódio.

Mãos-à-Obra – “Uma casa nova”

Neste Mãos-à-Obra, Luís Pedro teve a ideia de transformar um antigo roupeiro encastrado num pequeno fraldário. Veja como.

https://www.leroymerlin.pt/?gclid=Cj0KCQiAk4aOBhCTARIsAFWFP9HiWPJYGBHsF5vmjoWmfvSnphAuhc74AdM31fdB0A28yU82KhO3D1UaAoTeEALw_wcB

“Uma casa nova”

Por Luís Pedro de Abreu

A Casa Nova é uma casa de acolhimento de ação de solidariedade social que acolhe crianças dos 0 aos 12 anos. as responsáveis fazem tudo para que estas crianças se sintam em casa e apostam num ambiente acolhedor e terapêutico. Os quartos foram as divisões com que concorreram ao Querido, mudei a casa!.

As maiores necessidades deste espaço prendiam-se mais ao conforto do que à estética. As janelas e o chão precisavam de ser trocados. E a arrumação e a organização tinham que ser repensadas, pois aqui vivem muitas crianças. Tudo isto nos quatro quartos. Foi um desafio abraçado com entusiasmo.

O quarto mais pequeno passou a ser o quarto dos bebés, onde os berços cabem melhor. De tons neutro, o branco foi aplicado como base e complementado com apontamentos de cores suaves.

No quarto dos rapazes retiraram-se as portas de correr que davam para uma marquise, assim o espaço útil aumentou consideravelmente. Para aqui foi desenhado o grande roupeiro que serve de apoio a todos os quartos, depois como complementos há cómodas em todos eles. A cor predominante escolhida para este quarto foi um verde pastel.

O quarto das raparigas tem um requinte feminino que não foi aplicado nos outros. O rosa velho é a cor da divisão e é arrematado com papel de parede a imitar palhinha, que torna o quarto mais quente.

O quarto maior é quarto misto, adaptável tanto a meninas como a meninos. Este vive num ambiente quente de amarelo torrado em meia parede e na parte superior branco.

Foi encontrada uma linha de continuidade na decoração entre os quatro quartos, e o corredor que lhes dá acesso também foi recuperado e decorado.

Companhia do Campo

Como fusão de ambientes, de estilos e mais dedicada a casas de campo, a Companhia do Campo surge no mercado há 25. Neste momento, a marca adapta-se a qualquer estilo com as suas peças únicas.

https://companhiadocampo.com/wp/

Mãos-à-Obra – “Querido, mudei a garagem”

Por Ana Antunes

Neste Mãos-à-Obra, Ana Antunes explica-lhe como fazer uma cabeceira de cama com arrumação.

https://www.leroymerlin.pt/?gclid=Cj0KCQiAk4aOBhCTARIsAFWFP9ECYqE-UQLgP208FWBI8-XpOXHFqdI5sfX0zqgw_-_E0wJ8_zThBakaAgrhEALw_wcB